Horizontes e Precipícios – vídeos do show

Eba ! Tô muito feliz porque, após vários meses de trabalho, conseguimos disponibilizar a lista completa dos vídeos do show de lançamento do meu primeiro disco solo Horizontes e Precipícios. Aqui está uma lista de acesso rápido e, nas postagens que seguem abaixo, estão todos os vídeos, cada um com um texto. Comentários sobre os vídeos são bem vindos aqui e no youtube!

Horizontes e Precipícios
DVD Divulgação – Ao Vivo no Theatro São Pedro

01 – À Beira de Um Precipício
02 – Dinheiro no Chão
03 – Fim da Tarde
04 – Meus Inimigos Caíram
05 – Promessas
06 – Neo Hippie
07 – Charly Tomó Demás
08 – A Flor Que Nasce
09 – Meu Amor
10 – Porto Alegre Blues
11 – Imbecil
12 – Eu Não Sou Daqui
13 – Não Te Quero Mais
14 – Como Matar um Planeta

Obrigado e parabéns para toda a equipe: Tula Anagnostopoulos (montagem), Marcelo Bacchin (direção artística), Rafael Dutra e Start Video (equipe de filmagem), Amarello Rodrigues e Alisson Moura (câmeras na platéia), Thomas Dreher (engenheiro do som), Junior Ribeiro (captação áudio), Vicente Saldanha (cenário), André Domingues (desenho de luz), Filipe Narcizo (baixo e vocais), Duda Cunha (bateria, percussão e voz) e Ricardinho Diesel (técnico de palco). Obrigado também à toda a equipe do Theatro São Pedro e à Opus Promoções pelo grande apoio.

O disco pode ser baixado gratuitamente no meu site: www.yantolaitano.com.br

01 – À Beira de Um Precipício

Esta é a música que abre o show Horizontes e Precipícios. O arranjo desta música, assim como a maior parte do repertório deste show, é diferente do que está no disco. Eu parti da idéia de que show é show e disco é disco pra explorar mais a fundo os recursos de cada meio. No estúdio existem recursos que não estão disponíveis no palco e vice-versa.

02 – Dinheiro no Chão

A segunda música do show é Dinheiro no Chão. Segue o vídeo desta música que tá no DVD Divulgação do Show de Lançamento. Essa letra tem um lance que gosto muito que é a fragmentação e colagem de palavras e frases pra mudar o sentido do texto.

05 – Promessas

Essa música, que é uma parceria com Luciano Zanatta, existia há muito tempo. Ela não tinha sido gravada porque nunca achamos a letra boa. Muitos anos depois, eu fiz uma nova letra, gostei do resultado e mostrei pro Zanatta, que também curtiu. Eu gostei tanto que resolvi gravar. Aí está a versão ao vivo:

07 – Charly Tomó Demás

Escrevi essa música, que tem uma letra que mistura fragmentos de espanhol e português, em homenagem ao Charly Garcia. No final da década de 90 eu passei um tempo sendo um verdadeiro pára-raios de malucos. Por onde eu passava, nas ruas, nos bancos, nas estações eu atraía as criaturas mais loucas me falando suas mensagens malucas em situações não muito normais. Isso depois passou.

Mas quando eu conheci o Charly, vi que a loucura dele não era pose e que ele atraia todos os malucos num raio de 100km, sendo ele o mais louco de todos. Na verdade se ele fosse qualquer outra pessoa, e não um herói nacional, estaria internado há tempos. Mesmo assim genial e maluco, ele mudava de demônio pra anjo quando começava a tocar.

Então fiz essa música do ponto de vista de alguém que atrai malucos que dizem suas mensagens malucas. Talvez sejam oráculos. Talvez não.

08 – A Flor Que Nasce

Em uma tarde chuvosa de verão eu me senti cheio de amor pela Cecília, minha filha pequena. Fui pra sacada e essa canção surgiu. Em 20 minutos ela estava pronta. E era uma resposta pra uma pergunta que a Cecília tinha feito pra mim há pouco tempo atrás.